NOSSA MISSÃO

Divulga artigos de pesquisas científicas escritos por cientistas e pesquisadores SUD.s e não SUD.s, profissionais e amadores, a respeito da arqueologia, antropologia, geografia, sociologia, cronologia, história, linguística, genética e outras ciências relacionadas à cultura de “O Livro de Mórmon - Outro Testamento de Jesus Cristo”, uma das quatro obras padrão de “A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias”.

O Livro de Mórmon conta a história dos descendentes do povo de Leí, (profeta da casa de Manassés), que saiu de Jerusalém no ano 600 a.C. (pouco antes do Cativeiro Babilônico) e viajou durante 8 anos pelo deserto da Arábia às margens do Mar Vermelho, até chegar na América (após 2 anos de navegação), desembarcando provavelmente em algum lugar da Mesoamérica (região que inclui o sul do México, Guatemala, Belize, El Salvador, Honduras, Nicarágua e parte de Costa Rica), mais precisamente a região vizinha à cidade de Izapa, no sul do México, onde, presumem os estudiosos, tenha sido o local de assentamento da primeira povoação desses colonizadores hebreus .

Este blog não é patrocinado nem está ligado oficialmente a qualquer denominação religiosa. Todo conteúdo apresentado aqui representa a opinião e é de total e exclusiva responsabilidade de seus autores, que sempre estão devidamente identificados.

domingo, 11 de março de 2012

Lição 10 Escola Dominical – Doutrina do Evangelho


 O LIVRO DE MÓRMON

 “[Ele] Convida Todos a Virem a Ele”  2º Néfi 26 – 30
   O Élder Gene R. Cook dos Setenta ensinou:
“Nas férias passadas, quando passamos por um trecho pouco rodado de uma estrada desértica, tivemos a impressão de ver à nossa frente a estrada coberta de água. Meus filhos apostariam todos os seus trocados nesse fato. No entanto, dentro de poucos minutos chegamos àquele ponto e não vimos sequer uma gota d’água. Que ilusão!  Quantas coisas há nesta vida que parecem ser de um modo e de repente se revelam o oposto. (…) Satanás opera dessa maneira. Ele é o mestre das ilusões e cria-as com o intuito de afastar, diminuir e desviar as energias e a atenção dos santos dos últimos dias da pura verdade de Deus”. (Ensign, maio de 1982, p. 25)

O que é ilusão? (Algo que engana ou ludibria.) Quais são algumas das ilusões que Satanás utiliza para desencaminhar as pessoas? Como podemos discernir entre essas ilusões e a verdade?
    Nesta lição contêm profecias grandiosas sobre os últimos dias. Néfi profetizou sobre as pessoas que seriam iludidas por Satanás e desviadas da verdade. No entanto, previu também a restauração do evangelho e as bênçãos que seriam concedidas aos justos.

1.         Néfi profetiza a respeito do ministério do Salvador entre os Nefitas.

Néfi previu que antes da visita do Salvador aos Nefitas, haveria “grandes guerras e contendas” por muitas gerações. (2 Néfi 26:1–2) Ele profetizou que entre o tempo da morte de Cristo e Seu ministério entre os nefitas, os iníquos seriam destruídos. (2 Néfi 26:3–7)

Como Néfi descreveu os que seriam preservados quando da vinda do Salvador? (Ver 2 Néfi 26:8.) Por que essas mesmas qualidades são importantes para nós hoje em dia? Como os Nefitas justos e sua posteridade foram abençoados? (Ver 2 Néfi 26:9.)

Néfi profetizou que após quatro gerações de paz e retidão, seu povo sofreria uma “rápida destruição”. (2 Néfi 26:10) O que causaria essa destruição? (Ver 2 Néfi 26:10–11.) Por que o orgulho é um pecado tão sério? O que podemos fazer em nossa vida para manter o Espírito do Senhor conosco.

2.                  Néfi fala sobre a parte selada das placas.
Ler 2º Néfi 27:1-11.   Uma parte das placas que Joseph Smith traduziu o Livro de Mórmon estava selada e foi-lhe ordenado que não traduzisse esta parte. Néfi escreveu sobre o conteúdo da parte selada (versículos 7 e 10). Quando elas nos serão dadas a conhecer (Éter 4:4-7; 5:1; Alma 12:9-10), e como nos seriam entregues (versículo 11). Os escritos de 1º Néfi 14:26 e 3º Néfi 26:9-11) também se referem ao selamento dos escritos sagrados, que contém a história completa do mundo e seus habitantes até a Segunda Vinda do Senhor.

 3.           Néfi profetiza que Satanás espalhará falsas doutrinas nos últimos dias.
Néfi profetizou que, nos últimos dias, as pessoas negariam o poder de Deus e ensinariam doutrinas falsas, vãs e tolas. (2 Néfi 28:3–9; ver também 2 Néfi 26:20–21.) De que forma essa situação prevalecia nos tempos de Joseph Smith? (Ver Joseph Smith — História 1:5–6, 19, 21.) Como ela prevalece hoje em dia?
Néfi também previu que as pessoas nestes últimos dias se encheriam de orgulho. (2 Néfi 28:12–15) Qual foi o resultado final do orgulho dos nefitas? (Ver 2 Néfi 26:10–11.) Como o orgulho é uma pedra de tropeço para nosso crescimento espiritual? Como podemos superar o orgulho?
Como muitas pessoas se vêem.

Néfi profetizou que Satanás pacificaria as pessoas e as “[acalentaria] com segurança carnal”. (2 Néfi 28:21) O que é segurança carnal? (Ter segurança carnal é encontrar segurança na satisfação dos apetites da carne ou na confiança em objetos ou idéias do mundo.) De que forma a segurança carnal pode impedir que nos arrependamos? O que a frase “os conduz cuidadosamente” (2 Néfi 28:21) esclarece sobre os métodos de Satanás?
Elder James Esdras Faust (31/07/1920 – 10/08/2007)

O Élder James E. Faust fez a seguinte analogia: “Thomas R. Rowan (…) disse: ‘O autor e comentarista Malcolm Muggeridge certa vez contou uma história sobre alguns sapos que foram mortos sem oferecer resistência, fervidos vivos em caldeirão de água. Por que eles não resistiram? Porque quando foram colocados no caldeirão, a água estava apenas morna. Em seguida, contudo, a temperatura subiu um pouco (…) e mais um pouco e continuou a esquentar. A mudança foi tão gradual, quase imperceptível, que os sapos se acostumaram ao novo ambiente, até que já era tarde demais. O que o Sr. Muggeridge quis ensinar não dizia respeito a sapos e sim a nós e como tendemos a aceitar o mal quando ele não nos é apresentado de forma chocante abrupta. Somos inclinados a aceitar alguma coisa moralmente errada se ela for apenas um pouco mais errada que algo aceitável para nós.” (National Press Club Forum).  Depois de usar essa analogia, o Élder Faust afirmou: “Esse processo gradual foi previsto pelos profetas antigos”. (Ensign, maio de 1989, p. 32).

Conclusão:
Por meio do estudo do Livro de Mórmon e da prática do evangelho, adquiriremos força para evitar as ilusões falazes de Satanás e seremos guiados em nosso empenho de permanecer no caminho estreito e apertado. Desafie os alunos a estudarem o Livro de Mórmon individualmente e em família para que recebam as bênçãos que o Senhor prometeu aos justos.

                                              Pontos para ponderar: 
                              Estou ensinando os membros da minha família sobre as armadilhas do mundo e de como superá-las?
                               Como está a minha preparação para a Segunda Vinda do Senhor?
                               Estou seguindo os conselhos do senhor de ser uma pessoa humilde?
                                                                                                                                                                                                                   Próxima Lição Número 11 - 2º Néfi 31 – 33

           Preparado por Roberto Gaertner - Escola Dominical Ala Barigui – 2012